Sistema Eletrônico de Administração de Eventos Científicos, SEMINÁRIO DE PESQUISA, EXTENSÃO E INOVAÇÃO DO IFSC - 2014

Tamanho da fonte: 
Etnobotânica de plantas medicinais numa comunidade do extremo sul catarinense
Samuel Costa, Leanny Karine Aguiar, Carolina de Souza Borges, Letícia Pedro Figueredo

Última alteração: 2014-07-22

Resumo


As plantas medicinais são recursos que costumam ser utilizados por muitas comunidades locais, sendo esse uso analisado pela Etnobotânica. O trabalho objetivou identificar as plantas medicinais utilizadas por uma comunidade do extremos sul catarinense. Foram entrevistados 25 moradores, uma de cada família residente no local, sem dos dados levantados por meio de entrevista semi-estruturada, turnê-guiada e listagem livre. Foram citadas como plantas medicinais utilizadas 49 espécies, maioria exótica e obtidas junto aos vizinhos. A parte mais utilizada é a folha na forma de infusão e decocção, sendo a maior parte para o sistema digestório. Apesar de a comunidade utilizar plantas medicinais como recurso para saúde, o número de espécies para esse fim é muito baixo, sugerindo que posso estar havendo a perda do conhecimento local sobre essas plantas.


Texto completo: PDF